Foto: Divulgação/Assessoria – Legacy

A torre mais alta de Salvador já começou a ser construída no Caminho das Árvores. O início das obras do Legacy, o mais novo empreendimento residencial de alto luxo da incorporadora e construtora OR, já nasce com o propósito de ser um futuro marco arquitetônico e de sustentabilidade da cidade por ter 183,41 metros de altura, 54 pavimentos e por utilizar tecnologias alinhadas com a preservação do meio ambiente, do conceito inicial do projeto à entrega final. O edifício poderá ser visto de todos os ângulos em diversos pontos da capital baiana

A construção do Legacy deve gerar cerca de 1.500 empregos diretos e indiretos, envolvendo materiais, logística e prestação de serviços e tem entrega prevista para 2027. Ao mesmo tempo em que o residencial ganha forma, seus futuros moradores poderão acompanhar todo o andamento da obra através de um app exclusivo e disponível nas lojas de aplicativos para Android e iOS. Nele, o usuário poderá passear pelos detalhes das áreas de convivência, conhecer as opções de plantas assinadas por renomados arquitetos, os diferenciais do empreendimento em inovação e tecnologia, e acompanhar a valorização das unidades mensalmente.

“O novo empreendimento está intimamente ligado às estratégias conscientes de utilização e reutilização de recursos naturais, dando o exemplo para que construções mais sustentáveis sejam seguidas pelo mercado, através de técnicas que permitam a economia de água e energia elétrica, desde a concepção do projeto, até a obra e implantação”, destaca Daniel Sampaio, diretor-superintendente regional da OR na Bahia. O executivo cita a adoção de tecnologias para captação, tratamento e reuso de água, instalação de temporizadores de luz em LED em áreas comuns e utilização de energia solar como diferenciais.

“O residencial é altamente inovador por unir diversos atributos sustentáveis e tecnológicos, como carregadores para carros e bicicletas elétricas, droneport, espaço delivery e placas solares. E com todas essas ações integradas, o Legacy se credencia como forte candidato a receber o selo de IPTU Verde nível ouro da Prefeitura de Salvador e pré-certificado com o selo EDGE nível Advanced de sustentabilidade”, vislumbra Daniel Sampaio.

Com quatro suítes, nove opções de plantas e inúmeras possibilidades nas áreas comuns, o residencial irá promover ainda mais o desenvolvimento e a valorização de um dos bairros mais nobres da capital baiana, pois está muito próximo de alguns dos principais pontos comerciais, de entretenimento, saúde e educação da cidade.

Para Daniel Sampaio, o lançamento do Legacy impulsiona uma maior infraestrutura para o Caminho das Árvores atender a demanda dos seus futuros residentes e também conecta a capital baiana com as principais tendências urbanas mundiais no segmento imobiliário, pois incentiva a migração dos moradores de residências horizontais para uma referência de alto luxo vertical, com a implantação de novas tecnologias.

O Legacy, que significa legado em português, é também repleto de relações afetivas com a história da incorporadora e construtora, pois foi idealizado para ser um espaço onde as famílias possam criar memórias em cada fase da vida, passando de geração em geração.

“Trata-se de um projeto marcante para a OR, pois o imóvel será construído no terreno onde viveu a família Odebrecht por muito tempo. A própria escolha da sua localização traz uma conexão muito forte com a história do Grupo Novonor, que foi o responsável pela criação do Loteamento Caminho das Árvores, na década de 1970, e agora caminha para um importante reposicionamento do bairro”, afirma.

Fonte: Bahia.ba

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *