Foto: Ascom/PF

A Polícia Federal (PF) deflagrou, nesta quinta-feira (6), a operação Embarque Negado, que mira suspeitos de financiar a invasão do Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek, em Brasília (DF), e a tentativa de atentado à bomba nas proximidades do mesmo local, ocorrido em dezembro de 2022. Durante as diligências, a PF cumpre seis mandados de busca e apreensão em três estados, sendo um na cidade de Marabá, no Pará; outro em Água Boa, no Mato Grosso; além de quatro no Distrito Federal.

Segundo a Polícia Federal, a investigação visa apurar os os casos ocorridos nos dias 2 e 8 de dezembro do ano passado, quando bolsonaristas invadiram a área de acesso restrito do aeroporto e causaram transtornos à segurança aérea e ao serviço aeroportuário.

“Os envolvidos estão sendo investigados pelos crimes de atentado contra a segurança de transporte marítimo, fluvial ou aéreo, crime de atentado contra a segurança de serviço de utilidade pública e associação criminosa – todos previstos no código penal”, informou a PF.

Fonte: Bahia.ba

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *